Acredite, você também é aquilo que você ouve!

Estudos mostram que o estilo de música que você gosta pode dizer muito sobre a sua personalidade

9 mar 2016
15h00

Muito mais do que uma batida, um grave, um agudo, uma voz, um som, a música é uma das mais complexas formas de linguagem. Isso porque, além do ruído, ela também transmite sensações e pode exercer uma espécie de domínio sobre nós.

No dia-a-dia, os sons estão em todos os lugares, impactando no humor e disposição
No dia-a-dia, os sons estão em todos os lugares, impactando no humor e disposição
Foto: iStock / Divulgação


Nos filmes, por exemplo, as músicas são utilizadas para transmitir alguma informação. Normalmente, em um suspense, a melodia é tenra, composta por muitas notas e acordes. Em romances, o som é suave e as notas são mais longas, proporcionando uma leveza à cena.

Porém, não é apenas nos longas que as canções exercem influência. No dia-a-dia, os sons estão em todos os lugares, impactando o humor e disposição. Imagine uma academia onde toque música clássica. O exercício seria posto de lado, dando lugar à preguiça. Por isso, esses locais utilizam ritmos pra cima e agitados para reger as atividades físicas.

O estilo de música que você gosta de ouvir pode dizer muito sobre a sua personalidade. Com base em um estudo feito pelos pesquisadores Peter J. Rentfrow e Samuel D. Gosling, das Universidades de Cambridge, na Inglaterra, e do Texas, nos Estados Unidos, respectivamente, o Terra enumerou características pertencentes àqueles que ouvem determinados ritmos musicais. Confira:

GRUPO 1 – Adoram de blues, música clássica, MPB e/ou jazz

 

Gilberto Gil e Caetano Veloso representam duas das principais vozes da Música Popular Brasileira
Gilberto Gil e Caetano Veloso representam duas das principais vozes da Música Popular Brasileira
Foto: Facebook/@FalaCaetano / Reprodução


Características: Em geral, quem gosta desses estilos de música tem gostos complexos e reflexivos, emocionalmente estáveis, abertas a novas experiências, com boas habilidades de comunicação e inteligência acima da média.

GRUPO 2 – Curtem música alternativa, heavy metal ou rock

 

Ao lado dos Beatles, The Rolling Stones é considerada a banda de rock mais bem sucedida da história
Ao lado dos Beatles, The Rolling Stones é considerada a banda de rock mais bem sucedida da história
Foto: Instagram/@therollingstones / Reprodução


Características: Apesar de extrovertidos, atléticos e extremamente inteligentes, os fãs desses ritmos tendem a ter uma baixa autoestima. Também são um pouco preguiçosos, mas têm muita força de vontade e apreciam novas experiências.

GRUPO 3 – Gostam de música sertaneja, pop ou gospel

Hoje em dia, Luan Santana é citado como um dos maiores cantores do sertanejo universitário
Hoje em dia, Luan Santana é citado como um dos maiores cantores do sertanejo universitário
Foto: Instagram/@luansantana / Reprodução

 


Características: Conservadores, os que curtem esse tipo de música tendem a ser muito agradáveis, mas pouco abertos a novidades. Normalmente, por se inspirarem em ídolos da música, são fisicamente atraentes. No entanto, tendem a ter baixa estabilidade emocional.

GRUPO 4 – O funk, hip hop, soul e/ou eletrônica que dominam a playlist

Anitta é a principal voz do funk no Brasil e a primeira artista do País a ganhar um EMA Worldwide Act Latin America
Anitta é a principal voz do funk no Brasil e a primeira artista do País a ganhar um EMA Worldwide Act Latin America
Foto: Instagram/@anitta / Reprodução

 


Características: Enérgicas, pessoas com essas preferências musicais tendem a ser exploradoras, extrovertidas e altruístas. Costumam ser um pouco indisciplinadas e não têm problema em mentir quando acreditam ser necessário.

 

Fonte: Dialoog Comunicação
publicidade