inclusão de arquivo javascript

Vida de DJ
 
 

DJ Wehbba: "Na música eletrônica, é tudo sensação"

23 de janeiro de 2013 07h33

Rodolfo Wehbba é hoje um dos expoentes do tech-house nacional. Foto: Terra

Rodolfo Wehbba é hoje um dos expoentes do tech-house nacional
Foto: Terra

Se inicialmente o sonho deste paulistano era fazer sucesso como guitarrista de bandas de rock, foi em meio às pickups e mixers que ele se tornou conhecido. Rodolfo Wehbba é hoje um dos expoentes do tech-house nacional. Wehbba lançou o primeiro álbum, o Full Circle, só em 2010, mas já estava na estrada havia bastante tempo. O DJ já fez remixes para grandes nomes da cena eletrônica como Laurent Garnier, Funk D'Void, Samuel L Session, Robert Babicz, Lutzenkirchen e Kolombo.

Em 2007, a convite de um amigo DJ, Wehbba trocou o Brasil por uma cidadezinha no interior da República Tcheca e assim se dedicou às apresentações pela Europa. A carreira de Wehbba não parou mais de crescer desde que voltou ao Brasil.

E foi num domingo ensolarado que nossa equipe passou o dia com o DJ. Desde a hora da chegada dele de uma 'gig' no sul do País até a apresentação de Wehbba na festa Xxxperience, em Itu.

De fala tranquila e riso fácil, Wehbba nos apresentou sua mulher, a também DJ Anna Miranda, abriu seu apartamento para mostrar o estúdio que tem em casa. Tudo com muito bom humor, uma característica constante em sua personalidade.

Nessa entrevista, Rodolfo Wehbba conta curiosidades e um pouco de sua história.

Sua ligação com música vem muito antes das pickups, né?

Sim. Eu sou guitarrista. Tive banda desde os 12 anos, na época eu tocava mais punk rock e grunge music que era o que rolava. A última banda que eu entrei a gente tocava funk e soul misturado com hip hop.

E antes disso?

Desde os meus 8 anos que eu compro vinil. Quando rolava aqueles bailinhos eu já levava os discos e eu que ficava trocando os discos e escolhendo as músicas. Alguém tinha que trocar os discos e eu era o moleque que ficava ao lado da vitrola fazendo isso.

Você lembra qual foi o primeiro disco que você comprou?

Foi do Erasure. Eu era super fã do Vince Clarke. E o mais engraçado é que eu e a Anna fomos ao show deles aqui em São Paulo em 2011 e tivemos a chance de entrar no backstage. Eu levei esse disco e consegui que o próprio Vince Clarke autografasse. Fiquei muito contente porque é o meu primeiro disco de todos e está autografado por um ídolo.

E quando você decidiu mexer com música eletrônica?

Quando eu mudei para a Austrália eu comecei a frequentar mais clubes de música eletrônica. Eu gostei tanto que me bateu vontade de tocar e largar essa coisa de banda pra fazer algo sozinho. Quando eu voltei para o Brasil já comecei a comprar discos, mesmo sem saber onde aquilo tudo ia dar. Mas as coisas aconteceram relativamente rápido. Comecei a seguir uma amiga que era DJ para aprender cada vez mais. Depois de um ano eu já tava tocando.

Se você fosse definir o estilo de música que você toca, qual seria?

Pra ser bem prático, eu diria tech-house. Eu toco uma mistura de techno e de house. Tanto para um lado como para o outro. Eu nunca fujo muito disso.

É diferente trabalhar com música quando ela é eletrônica?

Com certeza. A gente que faz música eletrônica trabalha muito a sensibilidade com o corpo. Ela não tem uma melodia definida é tudo baseado em sensação. É físico. Então, isso acaba desenvolvendo um auto conhecimento maior. Isso é algo que a música me deu e que eu serei eternamente grato.
Terra
  1. Rodolfo Wehbba é hoje um dos expoentes do tech-house nacional  Foto: Terra

    Rodolfo Wehbba é hoje um dos expoentes do tech-house nacional

    Foto: Terra

  2. A carreira de Wehbba não parou mais de crescer desde que voltou ao Brasil  Foto: Terra

    A carreira de Wehbba não parou mais de crescer desde que voltou ao Brasil

    Foto: Terra

  3. Wehbba tocando no dia da gravação para o Vida de DJ  Foto: Terra

    Wehbba tocando no dia da gravação para o Vida de DJ

    Foto: Terra

  4. Wehbba se apresentou na Xxxperience em Itu  Foto: Terra

    Wehbba se apresentou na Xxxperience em Itu

    Foto: Terra

/vida-de-dj/foto/0,,00.html