0

Susana Vieira: "o Cazuza merece que eu grave as músicas dele"

8 jun 2011
21h02
atualizado às 21h43
Rodrigo Teixeira
Direto do Rio de Janeiro

Durante o lançamento de seu disco, Brasil Encena, nesta quarta-feira (8), na livraria Fnac do Rio de Janeiro, a atriz Susana Vieira afirmou que pretende fazer um CD somente com músicas do Cazuza. "Se me chamarem, eu farei outro trabalho. Tenho devoção pelas músicas do Cazuza. Ele morreu há 21 anos. Suas músicas falavam de amor e preconceito. Não venderei um apartamento para bancar este projeto, mas se alguém quiser vir comigo, será mais um sonho concretizado. O Cazuza merece que eu grave as músicas dele".

Apesar desse desejo, ela disse aos jornalistas que não pretende ser uma cantora e que seu trabalho é dedicado especialmente aos seus fãs. "Fui convidada pela Fnac para fazer este lançamento. Eu fiz esse CD para o meu público. Não pretendo ser cantora e este trabalho não é para agradar críticos. Hoje, com todo esse aperfeiçoamento oferecido pelos estúdios, conseguimos fazer um bom trabalho", contou.

Ela também comentou que depois de sua apresentação no Domingão do Faustão em dezembro do ano passado, descobriu que ainda não tem capacidade para se apresentar ao vivo. "Depois do Faustão, descobri que ainda não estou preparada para cantar ao vivo. Eu sei que foi um caos. Fiquei com ódio. Não precisava passar por isso. Não posso cantar ao vivo".

Na época, a atriz enfrentou uma enxurrada de críticas e piadas sobre sua performance no palco do programa dominical da TV Globo. Naquela ocasião, ela cantou músicas de seu CD, uma homenagem às mais de 39 novelas e sete seriados que fez em toda sua carreira. Segundo Susana, ela escolheu 12 músicas-tema para compor seu álbum. "Escolhemos 12 novelas. Não somente o meu tema específico, mas o tema que mais me agradou nos trabalhos. Os arranjos foram feitos por Roberto Menescal", explicou.

Susana Vieira, que comparou seu timbre ao de Roberta Miranda, garante que a qualidade do seu trabalho está "lá em cima" e que torce para que ele seja vendido em Portugal. "Eles são fãs do meu trabalho e posso dizer que a qualidade está lá em cima. Não foi feito em um fundo de quintal", pontuou.

Susana Vieira lançou seu disco na Fnac, localizada na zona oeste do Rio de Janeiro
Susana Vieira lançou seu disco na Fnac, localizada na zona oeste do Rio de Janeiro
Foto: Alex Palarea / AgNews
Fonte: Especial para Terra

compartilhe

publicidade
publicidade