0

Rock in Rio tem noite de mistura e dueto entre Shakira e Ivete

1 out 2011
03h46
atualizado às 15h46
Fernando Diniz
Direto do Rio de Janeiro

Bossa nova, reggae e hip-hop. Rock e axé. Samba de raiz e até samba enredo. Tapinha Não Dói com guitarras distorcidas. Diversidade ou confusão, o quinto dia do Rock in Rio 4 foi marcado pela mistura. O show mais esperado da noite, o da colombiana Shakira, foi marcado pela participação da baiana Ivete Sangalo em País Tropical, clássico de Jorge Ben Jor.

A cantora Shakira que fechou a noite em um dueto com a brasileira Ivete Sangalo que se apresentou horas antes
A cantora Shakira que fechou a noite em um dueto com a brasileira Ivete Sangalo que se apresentou horas antes
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

A abertura do palco Mundo na noite de sexta-feira ficou a cargo do rapper Marcelo D2. Neosambista, o ex-vocalista do Planet Hemp transitou entre o samba de raiz e a pegada mais agressiva do hip-hop que o revelou.

Na sequência, o grupo mineiro Jota Quest animou o público com sucessos, lembrando os 15 anos de carreira da banda. No fim da apresentação, a banda convocou o público para cantar a música tema do Rock in Rio.

A cantora de axé Ivete Sangalo fez a plateia ferver em seu show, cantando hits como Festa, Poeira e Dalila. Mesmo dizendo que faria um "show de axé", a baiana deu uma roupagem de rock para algumas músicas. Ivete inovou o repertório e tocou no violão uma música fora do setlist: a balada More Than Words, da banda de hard rock Extreme.

A empolgação do público com o show de Ivete não foi transferida para a apresentação do americano Lenny Kravitz. Alguns fãs acompanharam o cantor com palmas e cantaram sucessos como American Woman, mas em geral o público parecia apático, diferente do que acompanhou o show da baiana.

Fechando a noite, a colombiana Shakira começou o show com Estoy Aqui, um dos primeiros sucessos do disco Píes Descalzos, que fez muito sucesso no Brasil em 1996. "Estou aqui para vocês, Brasil", disse a cantora no português que aprendeu durante sua turnê no País no início da carreira. Em uma das músicas, a colombiana convidou algumas fãs para subir ao palco e dançar com ela.

Palco Sunset
O compositor João Donato e a cantora Céu promoveram um encontro de gerações da MPB no palco Sunset, na tarde de sexta-feira. A dupla tocou músicas do disco A Bad Donato, considerado pela crítica como uma anti-bossa. Nos momentos solo, a cantora Céu mostrou uma veia blusística ao cantar acompanhada de sua competente banda.

Martinho da Vila, o rapper Emicida e a banda Cidade Negra fizeram um encontro samba-rap-reggae depois. Boa parte das pessoas que estavam na Cidade do Rock assistiram ao show, que contou com sucessos da banda brasileira como Estrada.

Na sequência, o grupo Monobloco, projeto dos integrantes da banda Pedro Luís e a Parede, se apresentou no palco do entardecer, tocando inclusive o samba-enredo Peguei um Ita no Norte. O espanhol Dani Macaco, que mistura rumba com outros ritmos, subiu ao palco animou o público com a música Moving, mas logo viu os fãs escaparem para o show de Marcelo D2, que começou enquanto a programação do palco Sunset ainda não havia terminado.

O que funcionou

Tirolesa 1 - A tirolesa do Rock in Rio recebeu uma média de mil pessoas por dia, segundo dados da produção. Até agora não foram reportados incidentes graves.

Segurança - A Polícia Militar tem atuado dentro da Cidade do Rock. Nos primeiros dias, os PMs eram vistos mais em torno do evento. O Rock in Rio tem a empresa Prosegur como responsável pela segurança.

Comida - Permitir a entrada de lanches na Cidade do Rock ajudou a diminuir as filas gigantescas nas lanchonetes.

O que não funcionou

Tirolesa 2 - O brinquedo tem filas que podem chegar a sete horas de espera. À noite, muita gente reclamou de ter ficado na fila e ter sido barrado. A organização chegou a avisar que a atração fecharia mais cedo, às 23h30, mas houve empurra-empurra de frequentadores da Cidade do Rock revoltados.

Sombra - O forte sol de sexta-feira evidenciou que faltam espaços com sombra na Cidade do Rock. Fãs improvisaram atrás das colunas montadas para as caixas de som.

Palco Sunset - Iniciar o show do palco Mundo quando o do Sunset ainda não terminou voltou a ser um problema. Dependendo da posição no gramado, o som embola, além de prejudicar artistas.

Fonte: Terra
publicidade