5 eventos ao vivo

Estúdio Terra recebe artistas para entrevistas exclusivas no Festival

21 nov 2010
05h31
atualizado em 22/11/2010 às 16h24

Durante mais de 11 horas de música que dominaram a edição de 2010 do Planeta Terra Festival, iniciado na tarde desde sábado (20), no Playcenter, artistas que se apresentaram e acompanharam o evento conversaram com os apresentadores no Estúdio Terra. Sob o comando de Kid Vinil, Bárbara Thomas, Gastão Moreira, Patrícia Travassos e Jonas Almeida, e com um canal exclusivo no site do Terra, o estúdio recebeu diversos artistas em todo o período do evento.

Ouça a rádio do Planeta Terra grátis no Sonora

Hurtmold, a segunda banda a tocar no palco GGillette Hands Up \o/ Indie Stage, foi a primeira a ser entrevistada no estúdio. A banda, que mistura instrumentos de diferentes vertentes musicais no palco, explicou as suas influências. "Tem a ver com nossa formação de vida. Por que não tentar achar cores diferentes para tentar expressar as coisas?", disse Guilherme Granado, um dos vocais. A banda República, primeira a passar pelo palco Gillette Hands Up \o/ Indie Stage, também conversou com os apresentadores. Os integrantes aproveitaram a oportunidade para falar sobre o problema que tiveram com uma de suas guitarras. "Não é o que tira a nossa motivação", afirmou o vocalista Jorge Marinhas.

Mombojó, Novos Paulistas, Holger e Of Montreal também falaram com os apresentadores. Paulo Xisto, baixista do Sepultura, foi ao Planeta Terra Festival apenas para curtir, mas conversou no Estúdio Terra. "É bom para ver o que está acontecendo de novo, não somos uma banda nova. Eu quero ver o Smashing Pumpkins. Não sou muito fã não, mas quero ver".

Outros artistas que foram curtir o Planeta Terra Festival também passaram por lá. Fernanda Paes Leme, Sérgio Marone, Débora Falabella, Leandra Leal e Marina Lima foram algumas das celebridades que estiveram presentes.

O local de conversas do Planeta Terra Festival ainda gerou encontros inusitados. A apresentadora Sabrina Parlatore foi entrevistada por Gastão, seu ex-namorado na época em que eram VJs da MTV. Sabrina, que fazia reportagem sobre o festival para o programa Vitrine, da TV Cultura, e iria entrevistar Gastão para falar sobre a apresentação, acabou sendo a entrevistada. O ex-casal conversou como bons amigos sobre os trabalhos no Planeta Terra.

Presença mais esperada da noite, Billy Corgan, líder do Smashing Pumpkins, demorou para conceder entrevista para o Estúdio Terra. O motivo seria uma rixa entre o vocalista do Smashing Pumpkins e os integrantes da banda Pavement, que na canção Range Life criticam o grupo de Corgan. Segundo os apresentadores, o vocalista do Smashing Pumpkins não queria encontrar com os integrantes do Pavement. A solução foi entrevistar Corgan no camarim.

Gastão, que entrevistava Corgan pela terceira vez, e reclamava que o vocalista costuma ser arredio, elogiou a atitude de Billy Corgan desta vez. "Ele foi simpático e, sobretudo, educado. Nas outras vezes, ele tava menos amigável, mas eram os anos noventa. Agora ele é pai, acho que ele se acalmou". Em entrevista, Corgan reclamou do mercado da música, o qual chamou de "fraco". "Eles pararam de olhar o público como fãs e se tornou difícil para os fãs se conectarem com a banda. Isso que está acontecendo são os anos 50", disse Corgan.

Vanguart, Glória e Passion Pit também passaram pelo Estúdio Terra. A banda Hot Chip, que não quis conversar com a imprensa, parou por alguns minutos para falar com os apresentadores. "Guardamos o melhor para o Brasil. Já nos acertamos bem durante a turnê, então o Brasil vai ver o que temos de melhor", disse Alexis Taylor, um dos integrantes da banda, antes da apresentação no palco Gillette Hands Up \o/ Indie Stage. A banda Phoenix fez suspense sobre uma possível presença do Daft Punk em seu show durante entrevista. No fim, a dupla eletrônica não participou da apresentação dos franceses no Sonora Main Stage.

Yeasayer e Mika conversaram com os apresentadores no estúdio após suas apresentações. Os integrantes do Yeasayer garantiram que aprenderam português para o show no Planeta Terra Festival, e Mika ficou surpreso com a receptividade dos brasileiros. "Como isso aconteceu? Eles estavam cantando todas as minhas canções, inclusive as novas. Eu fiquei comovido, fiquei surpreso. Primeiro tentei fingir que estava tudo bem, mas depois eu me deixei levar, fiquei tocado", disse.

O Estúdio Terra terminou sua transmissão depois das 2h, após o início do show do Smashing Pumpkins, o último da noite no palco Sonora Main Stage.

Billy Corgan, líder do Smashing Pumpkins, foi um dos entrevistados pelo Estúdio Terra
Billy Corgan, líder do Smashing Pumpkins, foi um dos entrevistados pelo Estúdio Terra
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra
Fonte: Terra
publicidade