2 eventos ao vivo

Metal Open Air: produtor diz que sofreu sequestro e agressão

22 abr 2012
11h11
atualizado às 12h45
  • separator

Felipe Negri, um dos organizadores do Metal Open Air, evento que acontece em São Luís, no Maranhão, neste final semana, disse que foi vítima de sequestro e agressão.

"CRIME: Galo que eu ganhei após o sequestro e agressão que sofri junto com a minha noiva e equipe", escreveu Negri no Twitter. A foto postada junto com a mensagem foi apagada da rede social Instagram. Segundo a rádio Mirante FM, ele acusa um produtor local de ser o mandante do crime.

O Metal Open Air vem causando polêmica devido ao cancelamento de cerca de 30 apresentações no festival, por motivos que vão de atrasos nos pagamentos a problemas de emissão de passagens aéreas.

Entenda o caso
O festival Metal Open Air gerou muita polêmica nos últimos dias. Marcado para acontecer entre sexta (20) e domingo (22), em São Luís, capital do Maranhão, o evento sofreu com o cancelamento de diversas bandas, incluindo alguns dos headliners - como Anthrax, Blind Guardian, Ratos de Porão e o Rock N' Roll All Stars, grupo de Gene Simmons, que traria o ator Charlie Sheen ao MOA como mestre de cerimônias. Segundo o site especializado em heavy metal Whiplash, o festival começou com atraso neste sábado (21), apesar das cerca de 30 bandas canceladas. Por volta das 16h do mesmo dia, o site havia noticiado o cancelamento do MOA, mas a produção se apressou em negar a informação.

Apesar dos problemas com as bandas e reclamações gerais sobre falta de estrutura - usuários do Twitter disseram que o acampamento do festival estava localizado em um estábulo, por exemplo -, o festival teve shows nesta sexta (21), mesmo começando com cinco horas de atraso. Os norte-americanos do Megadeth, um dos headliners do festival, se apresentaram no palco do MOA.

Até o início da noite deste sábado, cerca de 30 bandas, segundo o Whiplash já haviam cancelado a participação no festival, entre elas os headliners Rock n' Roll Stars, Anthrax, Blind Guardian e Ratos de Porão, além de nomes importantes, como Hangar, Saxon, Venom e Andre Matos.

Em comunicado oficial, o Blind Guardian criticou duramennte a organização do festival. "Devido a enormes problemas técnicos e administrativos, fomos forçados a cancelar. Parece que a produção local não tem sido capaz de garantir a estrutura de um festival. No futuro, teremos mais cuidado ao confirmarmos os shows."

Já o Rock N' Roll All Stars manifestou preocupação com os fãs em sua nota de cancelamento. "Fomos informados, antes de voarmos para o Brasil, que muitas outras bandas já cancelaram suas apresentações. Estamos muito preocupados com a segurança de nossos fãs e dos artistas que já estão no festival. Ouvimos relatos de que é o evento é perigoso e um desastre. Por favor, tenham cuidado. Estamos ansiosos para fazer rock com vocês no futuro".

O festival enfrenta problemas de organização
O festival enfrenta problemas de organização
Foto: Divulgação

Veja também:

Netinho de Paula e os 30 anos de Negritude Jr
Fonte: Terra
publicidade