2 eventos ao vivo

Madonna repete atraso, mas causa histeria em São Paulo

4 dez 2012
22h46
atualizado em 5/12/2012 às 07h29
Beatriz Carrasco
Direto de São Paulo

Aos 54 anos, Madonna mostrou como continua com a disposição da década de 1980, quando foi consagrada como diva pop e passou a inspirar uma legião de artistas. O show com "quê" de espetáculo da turnê MDNA começou por volta das 22h30 em São Paulo, nesta terça-feira (4), no Estádio do Morumbi, e foi recepcionado com grande histeria por seus fãs mesmo com o seu "habitual" atraso. Nos ingressos, o horário marcado para a apresentação indicava as 20h.

Marca registrada de Madonna, a mistura entre o erótico e o religioso, em um clima que beira o subversivo, mostrou-se presente desde o início, quando ela surgiu de um confessionário cercada por dançarinos vestidos de monges e um grande incensário. Girl Gone Wild, primeira canção do show que comemora os 30 anos de carreira, foi entoada entre cruzes, sangue artificial e revólveres.

Papa Don't Preach e Express Yourself, na qual ela apareceu vestida de líder de torcida, empolgaram muito o público presente no Morumbi, maduro em sua maioria. Essas e outras canções antigas da rainha do pop foram as mais comemoradas pelos fãs durante o show. Na primeira pausa do show, surgiu no telão um vídeo com uma retrospectiva da carreira da cantora, para delírio dos fãs. Ela surgiu, então, com uma guitarra em punho e uma roupa toda preta para cantar Turn Up the Radio.

Comedida na interação com o público, Madonna falou com os fãs pela primeira vez durante a canção Open Your Heart. "Sei que vocês, brasileiros, amam música. Então cantem comigo", pediu ela, em inglês. Logo depois, ela pediu para que o público repetisse "Sagarra Jo" e emendou: "vocês sabem o que é sagarra jo? Sabem por que temos tantas guerras? Porque nos achamos melhores que os outros. Julgamos pela cor da pele, os gays, os judeus". Ela fez, então, um apelo de paz e igualdade. "Isso é sagarra jo. É disso que estou falando!", gritou. A cantora finalizou com um "c***", em português mesmo, para delírio dos fãs.

Logo depois de Humam Nature, Madonna ainda protagonizou mais um momento inusitado. Ela começou a tirar a roupa e mostrou um corpete rendado cheio de notas de dinheiro. Ao tirar a calça, virou de costas para o público e mostrou o bumbum musculoso. Os fãs imediatamente começaram um coro de "gostosa". Em seguida, as luzes se apagaram e "que bumbum" foi o comentário mais ouvido na pista.

Mas o ápice do show aconteceu mesmo quando homens vestidos de padres e cantando como em um coro de igreja surgiram no palco e ela entoou Like a Prayer segurando uma bandeira do Brasil. O público cantou junto, gritou e bateu muitas palmas. O espetáculo terminou com Celebration, com o público dançando em êxtase, o que deu a sensação de um fim prematuro para um show tão esperado. As luzes se apagaram e Madonna simplesmente deixou o palco, sem despedida e sem bis.

A última passagem de Madonna pelo Brasil havia sido em 2008 com a Sticky and Sweet Tour, quando se apresentou no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, e depois no próprio Morumbi, em São Paulo.

Confira o set list do show:

1. Act of Contrition / Girl Gone Wild
2. Revolver
3. Gang Bang
4. Papa Don't Preach
5. Hung Up
6. I Don't Give A
7. Best Friend / Heartbeat
8. Best Friend
9. Express Yourself
10. Give Me All Your Luvin
11. Turn Up The Radio
12. Open Your Heart
13. Masterpiece
14. Justify My Love
15. Vogue
16. Candy Shop
17. Human Nature / Erotica
18. Nobody Knows Me
19. I'm Addicted
20. I'm A Sinner
21. Like A Prayer
22. Celebration

Madonna mostrou sua nova turnê para público em São Paulo
Madonna mostrou sua nova turnê para público em São Paulo
Foto: Edson Lopes Jr. / Terra
Fonte: Terra

compartilhe

publicidade