Especiais
Festival de Verão
Madonna

 Sites relacionados
Arquivo do Rock
FM O Dia
Dynamite
Nando Reis
Palco MP3


  Letras e cifras


 Notícias por e-mail
Receba as últimas notícias no seu e-mail
 Fale conosco
Mande suas críticas e sugestões. Participe!





Música
Sexta, 15 de outubro de 2004, 08h59 
Assassino diz que queria fama de John Lennon
 
 Últimas de Música
Busca
Busque outras notícias no Terra:
Mark David Chapman, assassino do ex-beatle John Lennon, afirmou que matou o músico porque queria "rouba a fama" dele. A confissão foi feita para a junta que avaliou - e negou - o seu terceiro pedido de liberdade condicional, informaram as agências internacionais.

O discurso de Chapman tem sido sempre esse, com algumas variações. Há quatro anos, também em uma audiência, ele disse que se sentia "um ninguém" e que queria ficar famoso por matar uma pessoa tão célebre. "Acho que sou um nada ainda maior hoje em dia porque me odeiam, em vez de sentir algo positivo por mim," disse desta vez, segundo documentos liberados nesta quinta-feira.

John Lennon foi morto na noite de 8 de dezembro, de 1980, em frente ao Dakota, prédio onde morava em Nova York. Desde esse dia, Chapman está preso.

Na penitenciária de Attica, onde está há quase 24 anos, Mark Chapman trabalha como auxiliar administrativo e faz serviços de cozinha. A sentença contra ele é de 20 anos a perpétua.
 

Redação Terra
 
 » Conheça o Terra em outros países Resolução mínima de 800x600 © Copyright 2012,Terra Networks Brasil S/A   Proibida sua reprodução total ou parcial
  Anuncie  | Assine | Central do Assinate | Clube Terra | Fale com o Terra | Aviso Legal | Política de Privacidade