0

Blog "falso" ironiza projeto de Maria Bethânia na internet

16 mar 2011
18h12
atualizado às 18h18
  • separator
  • comentários
André Aloi

Um blog apócrifo, cujo fundo de tela são notas de real, ironiza o projeto da cantora Maria Bethânia em montar um site com postagens diárias de vídeos, interpretando grandes obras da música brasileira. A cantora conseguiu autorização do Ministério da Cultura (MinC) para captar R$ 1,3 milhão para sua criação online.

Ouça Maria Bethânia grátis no Sonora

Sob nome "blogdabethânia", há apenas um post com um vídeo de Renato Aragão
Sob nome "blogdabethânia", há apenas um post com um vídeo de Renato Aragão
Foto: Reprodução

Sob nome "blogdabethânia", há apenas um post com um vídeo de Renato Aragão, o Didi de Os Trapalhões , interpretando a cantora. Complementa: "Único momento marcante da minha carreira. E também único post que você verá nesse blog (...) Partiu torrar sua grana em Paris". Uma caricatura e os dizeres: "um milhão de movitos para você acessar" completam o desenho da página, que diz ter patrocínio do MinC e apoio da ministra Ana Buarque de Hollanda.

A assessoria da cantora afirma que passou os dados do blog para a produção analisar e, possivelmente, tomar as medidas legais. Se vão tentar tirar o link do ar, a assessoria diz que é "prematuro" dizer, mas fez questão de reforçar que "o MinC não deu esse dinheiro à cantora", e sim permitiu que ela pudesse fazer a captação de patrocinadores.

Intitulado O Mundo Precisa de Poesia , o site se dedicará aos versos e trará diariamente um vídeo de Bethânia interpretando grandes obras. A direção dos 365 vídeos seria de Andrucha Waddington. A informação circulou por meio da colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S.Paulo .

Manifestação do MinC
Em nota, o MinC afirma que a autorização de captação de R$ 1,3 milhão para o blog da cantora Maria Bethânia seguiu "estritamente" a legislação e não garante recursos para o projeto. A Comissão Nacional de Incentivo à Cultura do ministério aprovou o projeto da cantora e concedeu a ela permissão para captar os recursos por meio de patrocínios.

As empresas que patrocinarem o blog, no entanto, terão o valor deduzido no imposto de renda, conforme prevê a Lei de Audiovisual. Isto acarreta em renúncia fiscal, ou seja, o governo aceita arrecadar menos impostos em favor de um projeto cultural. A lei foi criada para incentivar artistas brasileiros.

Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade